Universidade Paulista http://www1.unip.br Últimas notícias pt-br Copyright Unip. Todos os direitos reservados. UNIP - Universidade Paulista http://www2.unip.br/img/layout/logo_unip_rss.gif http://www1.unip.br 154 79 <![CDATA[17/11/2017 - UNIP apresenta estrutura acadêmica do curso de Direito na CNAB ]]> Por Roberta

Diferenciais como moderna estrutura, atuação prática dos alunos nos Escritórios de Assistência Jurídica e incentivo à pesquisa científica serão destaques do estande da UNIP. Novidade para 2018 é o curso de Direito Digital oferecido pela Pós-Graduação Lato Sensu.

 

A Universidade Paulista – UNIP – participa, de 27 a 30 de novembro, da Vigésima Terceira Conferência Nacional da Advocacia Brasileira (CNAB), organizada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), no Centro de Eventos Anhembi, em São Paulo. O evento, considerado um dos principais do Direito, agrega as maiores instituições acadêmicas do Brasil e espera reunir cerca de 20 mil profissionais da área neste ano.

 

A UNIP leva à conferência um espaço moderno, com informações sobre todos os cursos de Graduação e Pós-Graduação Lato Sensu que oferece na área do Direito, incluindo modalidades EaD, presenciais, semipresenciais e de capacitação.

 

Figurando entre as principais universidades privadas do país na formação em Direito, atualmente, o curso de Graduação em Direito da UNIP está presente em nove campi da capital, 14 no interior e litoral paulista, e em três localidades fora do estado de São Paulo, a saber, Brasília, Goiânia e Manaus.

 

Para os alunos da Graduação, a aposta da Universidade é no incentivo à Iniciação Científica desde o primeiro semestre do curso. A infraestrutura e os “laboratórios” de Direito, constituídos pelos Escritórios de Assistência Jurídica (EAJ), pelos Anexos do Juizado Cível e pelos Centros de Mediação e Conciliação, também estão entre os diferenciais. Juntas, em 2016, essas instalações prestaram 29.530 atendimentos gratuitos à comunidade do entorno de todos os campi que oferecem o curso de Direito.

 

Os serviços prestados gratuitamente pelos EAJ compreendem orientações jurídicas em todos os segmentos do Direito, tanto na esfera extrajudicial quanto na judicial, com ênfase na promoção de ações na área Civil e da Família, a pessoas que comprovem não ter renda para arcar com honorários advocatícios e despesas judiciais. A UNIP mantém ainda um convênio com o Tribunal de Justiça de São Paulo para que, em alguns campi, funcionem os Anexos do Juizado Cível e os Centros de Mediação e Conciliação, garantido à comunidade o fácil acesso para ingressar com ações de pequenas causas. A UNIP concede a estrutura, o Tribunal designa juízes e serventuários para o Cartório Judicial e os alunos da Universidade participam de todas as etapas, obtendo, assim, a vivência prática.

 

Durante a Conferência Nacional da Advocacia Brasileira, coordenadores do curso de Graduação em Direito, de diferentes campi, receberão o público no estande da UNIP. A Pós-Graduação Lato Sensu em Ciências Jurídicas também manterá plantão especial em todos os dias do evento. Os coordenadores e colaboradores ficarão disponíveis para esclarecer questões como estrutura, programa dos cursos, valores e, principalmente, sobre o mercado de trabalho.

 

 

SERVIÇO


UNIP na XXIII Conferência Nacional da Advocacia Brasileira da OAB

De 27 e 30 de novembro (segunda a quinta-feira), nos horários:

Dia 27, das 9h30 às 20h

Dias 28 e 29, das 9h às 20h

Dia 30, das 9h às 14h

Pavilhão de Exposições Anhembi

Av. Olavo Fontoura, 1209 – Parque Anhembi – São Paulo – SP

Estande da UNIP – Rua B, 245.

Informações sobre os cursos da UNIP: www.unip.br

Informações sobre o evento: http://conferencia.oab.org.br

 

 

]]>
DATA17/11/2017
<![CDATA[10/11/2017 - Encontro de Letras 2017 do campus Campinas ]]> Por Mônica Oliveira Santos

A coordenadora do curso de Letras do campus Campinas, Mônica Oliveira Santos, promoveu o Encontro de Letras 2017: Linguagem, Mídia e Gênero. O evento ocorreu nos dias 27 e 30 de outubro e 1º de novembro e contou com apresentações culturais criativas dos alunos de todos os semestres, envolvendo música, dança, teatro e poesia.

Alunos egressos também compartilharam desse momento de reflexão, conhecimento e cultura, que proporcionou seis palestras e três oficinas voltadas ao tema do evento, centralizando questões como: mídia e formação de opinião, desejos e comportamentos; as mulheres “honestas” x mulheres “públicas” na literatura e seu papel na história; Chico Buarque, suas várias mulheres e sua poesia sobre os desvalidos; a escrita e seu processo criativo; trans-escritura e construção de masculinidades e feminilidades; a tradução jurídica e seus desafios e recompensas; linguagem, política e sexualidade; a formação pedagógica como espaço de transformação e ressignificação social; análise do filme Boi Neon: linguagem, arte e mídia na formação das identidades dos sujeitos pós-modernos.

Outro ponto de destaque foram as apresentações de painéis com os TCC que estão em fase final de elaboração pelos alunos do quarto ano de Licenciatura e Bacharelado. O evento foi organizado pela coordenadora, Mônica Santos, pela comissão de alunos do terceiro ano do curso de Letras e pelo professor Adilson Donizeti Biazotto, contando com a colaboração de todo o corpo docente.

 

]]>
DATA10/11/2017
<![CDATA[10/11/2017 - Curso de Engenharia promove Campeonato de Carros com Propulsão a Ar ]]> Por Débora Barbosa

No dia 1º de novembro, os alunos do segundo e terceiro semestres do curso de Engenharia Ciclo Básico, do campus São José do Rio Preto, participaram do Campeonato de Carros com Propulsão a Ar. O evento foi realizado no saguão da unidade com o intuito de estimular os alunos a aplicarem de forma prática os conteúdos assimilados nas disciplinas de Física.

Com aproximadamente 28 carros, a apresentação foi bem animada e contou com a originalidade dos participantes. Estiveram presentes a coordenadora auxiliar do curso, Denise Marin, e os docentes avaliadores Elio Idalgo Junior e Micheli Baldacin. A competição foi desenvolvida em equipe e incluiu os alunos dos períodos matutino e noturno do curso.

O carro vencedor da competição da manhã percorreu 15 metros em 6,22 segundos e foi apresentado pelos alunos Afonso Vilarinho, Alberto José de Oliveira Junior, Alex Junior dos Santos, Guilherme Melavro, Jhonatan Ferreira, Mariana de Oliveira, Matheus Teixeira e Thais Celes. Já no período noturno, o carro ganhador percorreu 15 metros em 9 segundos e foi apresentado pelos alunos Adilso Junior, Henrique Jorge, Igor Fernandes, Lucas Aquaroni, Marcela Campos, Paulo Henrique Ortega, Rafael da Torres, Tales Daniel Sanches, Thais Baptistella e Thilany da Fonseca.

Para se inscreverem na competição, os alunos doaram 1 kg de macarrão, sendo arrecadados no total 110 kg, que serão doados para a Instituição Centro de Estudo Espírita Esperança - CEEESP, da cidade de Mirassol, SP.

 

]]>
DATA10/11/2017
<![CDATA[09/11/2017 - Professora da UNIP ganha Prêmios Internacionais ]]> Por Pos

A professora do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção Irenilza de Alencar Nääs foi premiada, em julho deste ano, pela Sociedade Americana de Engenheiros Agrícolas e Biológicos (ASABE - American Society of Agricultural and Biological Engineers) e, em junho do ano passado, pela Comissão Internacional de Engenharia Agrícola e de Biossistemas (CIGR - International Commission of Agricultural and Biosystems Engineering).

 

O ASABE Grade of Fellow é a maior honra concedida pela referida Sociedade e homenageia membros por realizações e contribuições extraordinárias para o campo da Engenharia de Sistemas Agrícolas, Alimentares ou Biológicos. A ASABE define como realização profissional meritória quem possui um mínimo de 20 anos de prática ativa relacionada à profissão de Engenharia, ou experiência com ensino, pesquisa e extensão relacionados à Engenharia, e um mínimo de 20 anos como membro engenheiro ou membro ativo da ASABE. A premiação ocorreu durante cerimônia realizada no Encontro Internacional Anual da ASABE, em Spokane, Washington, Estados Unidos, no período de 16 a 19 de julho de 2017.

 

Já o Prêmio CIGR Merit Award foi concedido à professora Irenilza Nääs por sua destacada liderança em construções rurais e pelo impacto significativo de sua carreira na Engenharia Agrícola. A CIGR concede o mérito a um profissional por sua contribuição internacional para o avanço do conhecimento científico em relação à Engenharia e Ciência em prol da agricultura, do meio ambiente, da indústria ou do setor rural na Europa. O vencedor do prêmio deve ter perfil de cientista líder, com forte publicação ou registro de patentes, ter uma compreensão clara dos desafios científicos ante a agricultura, o meio rural e a indústria, além de ter contribuído para a inovação científica ou avanço da Engenharia e ser reconhecido internacionalmente. O prêmio foi entregue durante a 4ª Conferência Internacional de Engenharia Agrícola (CIGR-AgEng2016), realizada em Aarhus, Dinamarca, no período de 26 a 29 de junho de 2016.

 

Breve biografia de Irenilza de Alencar Nääs

 

Irenilza Alencar Nääs é, atualmente, professora do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção (mestrado e doutorado) da UNIP, professora visitante no Mestrado em Zootecnia da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e professora colaboradora no Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Tem sido homenageada por sua liderança internacional em programas de pesquisa, ensino e extensão na produção animal.

 

Nääs teve uma carreira notável, particularmente como mulher pioneira nas ciências: primeira engenheira civil da Unicamp a receber diploma de mestrado em Engenharia Agrícola na California Polytechnic State University e primeira mulher a obter doutorado em Engenharia Agrícola na Michigan State University. Foi líder em associações profissionais em todo o Brasil e América Latina e atuou como presidente da Sociedade Brasileira de Engenharia Agrícola, da Associação Latino-Americana e do Caribe de Engenharia Agrícola e da Comissão Internacional de Engenharia Agrícola. Hoje, é diretora e presidente da Fundação APINCO de Ciência e Tecnologia Avícola (FACTA, Brasil).

 

Depois de completar seu trabalho de pós-graduação, introduziu pesquisas sobre ambiência e construções rurais na produção animal, proporcionando, por meio de publicação de artigos e consultoria em todo o Brasil e países da América Latina, grandes melhorias nas condições e técnicas de instalações de animais. Como educadora, orientou muitos estudantes de pós-graduação e pós-doutorado.

 

Membro há 40 anos da ASABE, Nääs atua em vários comitês, incluindo o grupo Facility and Systems e a comunidade técnica ASABE Plant and Animal Facility Systems. É ex-membro do Comitê de Animal Welfare and Care e do Comitê de Environment of Animal Structures; e membro da Associação Brasileira de Engenharia Agrícola, da Academia de Ciências do Estado de São Paulo e da Academia Internacional de Engenharia Agrícola. Faz parte ainda da Comissão Internacional de Engenharia Agrícola e de Biossistemas (CIGR) e da Associação Mundial de Ciências Avícolas.

 

Nääs é autora e coautora de mais de 100 artigos revisados por pares, capítulos de livros e ensaios. Tem uma patente mecânica e quatro patentes de software em seu nome. Sua carreira foi marcada por inúmeros prêmios. Além dos já destacados, em 2015 foi nomeada um dos 100 profissionais mais influentes da produção brasileira de aves e suínos. Recebeu um prêmio especial pelas suas realizações como diretora na escola de extensão da Unicamp. Também recebeu muitos prêmios LAMAS, da FACTA, pelos melhores artigos sobre produção avícola. Em 2009, foi nomeada Mulher do Ano pela Academia de Artes e Ciências de Campinas.

]]>
DATA09/11/2017
<![CDATA[09/11/2017 - Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção organiza sessão especial em evento na Alemanha ]]> Por Pós

Após o sucesso da sessão especial de 2016, apresentada durante a Conferência Internacional sobre Avanços em Sistemas de Gerenciamento de Produção (International Conference on Advances in Production Management Systems), ocorrida no Brasil, em Foz do Iguaçu (PR), o Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção da UNIP (PPGEP-UNIP) continua sua atuação marcante no processo de internacionalização do Programa. Realizada este ano na cidade de Hamburgo, Alemanha, entre os dias 3 e 7 de setembro, a Conferência contou com mais de 150 integrantes de 28 países.

 

Nesta edição, o PPGEP organizou uma sessão temática chamada Production Management in Food Supply Chains, que visou discutir a questão da produção de alimentos. Com a população mundial superando 7 bilhões de pessoas e com previsão de chegar a quase 10 bilhões em 2050, tudo que se refere à produção e à redução das perdas e desperdícios de alimentos passou a ser de fundamental importância para governos e organizações de gestão e fomento.

 

Nesse sentido, a sessão buscou abordar questões de logística e produção que possam auxiliar na melhoria do processo de produção de alimentos e na redução das perdas ao longo das cadeias de suprimentos. Desta vez, foram apresentados nove trabalhos de profissionais e estudantes de oito países. O professor João Gilberto Mendes dos Reis  destaca a relevância da iniciativa do PPGEP-UNIP: “Estamos plantando a semente para o desenvolvimento de pesquisas que promovam a ampliação do volume de alimentos disponível, bem como a redução das perdas nas cadeias de suprimentos.”

 

Cabe salientar ainda que o Programa, por meio seus grupos de pesquisa – como o Grupo de Estudo das Redes Produtivas do Agronegócio e o RESUP - Grupo de Pesquisa em Redes de Suprimentos e Qualidade e Produtividade –, vem desenvolvendo pesquisas que visam contribuir para reduzir os efeitos desse problema e, nessa perspectiva, a sessão especial trouxe enormes contribuições para a temática.

 

Neste ano, três professores e cinco alunos da UNIP participaram da Conferência. O professor Oduvaldo Vendrametto destaca “a importância dos alunos e professores em um evento que recebeu apreciação especial na avaliação da CAPES como sendo um dos pilares do Programa, reconhecido por esta entidade na Avaliação Quadrienal de 2017 com nota 5 de 7. Esses eventos, além de aumentar a bagagem científica, modificam a maneira como os estudantes enxergam o mundo por meio da convivência com outras culturas.”

 

A edição de 2018 será na Coreia do Sul e espera-se um crescimento na participação de integrantes e conferencistas da UNIP e de outros países.

 

]]>
DATA09/11/2017
<![CDATA[08/11/2017 - Palestra sobre carreira de sucesso é discutida com alunos de Educação Física ]]> Por Mauro Batista

No dia 30 de outubro, os alunos do curso de Educação Física do campus Cidade Universitária participaram da palestra 10 atitudes para alcançar o sucesso na carreira, promovida pela diretoria do Instituto de Ciências Sociais (ICS).

Bacharel em Educação Física, com pós-graduação em Nutrição Aplicada ao Exercício Físico e especialização em Life Coach pela Sociedade Brasileira de Coaching, o palestrante Rodolfo Vieira compartilhou com os alunos do primeiro ao oitavo semestre suas experiências profissionais e os segredos para alcançar o sucesso como futuro profissional da Educação Física.

Envolvidos com a discussão, na saída do anfiteatro os alunos estavam entusiasmados com as perspectivas profissionais que foram apresentadas durante a palestra.

 

]]>
DATA08/11/2017
<![CDATA[07/11/2017 - Cursos de Enfermagem e Fisioterapia participam de Campanha Solidária da Saúde ]]> Por Débora Barbosa

Nos dias 31 de outubro e 1º de novembro, os cursos de Enfermagem e Fisioterapia do campus de São José do Rio Preto participaram da décima primeira Campanha Solidária da Saúde, com os colaboradores da empresa Circular Santa Luzia.

A empresa vem realizando o evento todos os anos e neste contou com a participação dos alunos do sexto, sétimo e oitavo semestres do curso de Fisioterapia, além de alunos do oitavo semestre do curso de Enfermagem.

O curso de Fisioterapia, sob supervisão da fisioterapeuta Juliana Zancanella, promoveu atividades de alongamento e exercícios posturais, ginástica laboral, orientações sobre câncer de mama, câncer de próstata, hipertensão arterial e diabetes. Já os estudantes de Enfermagem, supervisionados pela enfermeira Danyara Garcia, ofereceram teste de glicemia, pressão arterial, orientação sobre o câncer de próstata e IMC.

No total, foram aproximadamente 40 atendimentos realizados nos dois dias de atividades. O objetivo da ação foi proporcionar aos alunos o aperfeiçoamento de suas competências, colocando-as em prática, e orientar os colaboradores sobre a importância da prevenção.

 

]]>
DATA07/11/2017
<![CDATA[07/11/2017 - Primeiro Workshop de Estética e Cosmética ]]> Por Prof. Paulo R. Yamasaki

O Primeiro Workshop de Estética e Cosmética do campus Araraquara ocorreu entre os dias 28 e 29 de setembro. Todo o evento foi planejado e estruturado para atender e possibilitar aos alunos do curso de Estética e Cosmética o maior contato possível com o mercado de trabalho da área, bem como com diferentes experiências e expectativas de atuação profissional: tratamento capilar, tratamento da pele e estudos de maquiagem.

O evento contou com a presença de diversos palestrantes, que apresentaram temas e protocolos estéticos de modo dinâmico e com conteúdo atual, em voga no meio estético. As profissionais Luciana Arena e Ana Carolina, da Empresa Valmari, apresentaram um novo protocolo para tratamento de redução de medidas; a maquiadora profissional Bia Comparoto falou sobre quesitos importantes da maquiagem; os representantes da empresa Mezzo, Ana Calze e João Cláudio Mieli, apresentaram um novo protocolo de microagulhamento; a empresa Buona Vita trouxe uma proposta de tratamento de peeling facial; os profissionais Sameron Vassilíades e Everton Azevedo, por sua vez, apresentaram diferentes vertentes sobre tratamentos capilares. Já a B&L Barbearia, representada por Bruno Lopes, apresentou uma forma de design de cabelo para o público masculino, enquanto Victor Veiga, profissional que representou a empresa New look, mostrou diferentes formas de preparar um cabelo feminino para festas.

Participaram do workshop os alunos dos cursos de Estética e Cosmética, Farmácia e Biomedicina do campus, além de convidados externos. A presença dos representantes das empresas foi fundamental para promover dinamismo e praticidade ao evento.

]]>
DATA07/11/2017
<![CDATA[07/11/2017 - Alunos de Enfermagem e Nutrição realizam ação pelo Outubro Rosa ]]> Por Tais Fortes

No dia 18 de outubro, na Clínica de Saúde do campus Chácara Santo Antônio, foi realizada mais uma ação da campanha Outubro Rosa de prevenção do câncer de mama, aberta à comunidade local. Neste ano, as palestras envolveram orientações sobre o autoexame de mama e cuidados gerais de saúde, como hábitos alimentares, atividade física e estilo de vida saudável.

Além das palestras, os participantes puderam realizar atividades e exercícios propostos por sete alunos do curso de Nutrição e cinco do curso de Enfermagem. As ações foram elaboradas e supervisionadas pela enfermeira Thalita Serrano e pela nutricionista Karina Nascimento da Silva.

Foram oferecidos ainda cuidados pessoais, com a colaboração das representantes da Contém1g, e degustação de alimentos da Sam’s Club.

]]>
DATA07/11/2017
<![CDATA[06/11/2017 - Professora e aluna do curso de Biomedicina publicam artigo em órgão internacional ]]> Por Cristiane Fedrigo

A professora do curso de Biomedicina Tatiana Elias Colombo e a aluna do oitavo semestre Morgana Lima Aguiar, do campus São José do Rio Preto, realizaram um estudo, em parceria com outros pesquisadores da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp) e da prefeitura do município, que resultou no artigo Clinical, Laboratory and Virological Data from Suspected ZIKV Patients in an Endemic Arbovirus Area.

O artigo foi publicado na edição de setembro de 2017 da Journal of Clinical Virology, importante órgão de divulgação científica internacional. O objetivo do estudo foi relatar o perfil clínico e laboratorial de pacientes diagnosticados com Zika vírus, diagnóstico este baseado apenas nos dados clínicos e epidemiológicos.

 

 

]]>
DATA06/11/2017
<![CDATA[06/11/2017 - Ciclo Anual de Palestras do Curso de Ciência da Computação ]]> Por Débora Barbosa

Nos dias 30 e 31 de outubro, no anfiteatro do campus São José do Rio Preto, ocorreu o Ciclo Anual de Palestras do Curso de Ciência da Computação. Participaram do evento, alunos do curso, coordenadores, docentes e também palestrantes renomados da área.

No primeiro dia, a diretora do campus, Simone Buchala, realizou a abertura e agradeceu a coordenadora auxiliar do curso, Denise Marin, e a todos os participantes pelo envolvimento nas atividades. A receptividade contou também com a participação dos docentes do curso Camila Brandão, Geraldo Zafalon, Jonathan Rogeri e Thiago Rizzo.

Em seguida, os estudantes e interessados puderam acompanhar as palestras Teste de Software, com o especialista em Consultoria de Sistemas WEB, Thiago Amicussi; e ITIL, com o especialista em Gestão de Negócio e gerente de Suporte Técnico na Empresa Shift, Felipe Rodrigues.

No último dia, foi aberta uma mesa-redonda que discutiu sobre as possibilidades de atuação dos profissionais de tecnologia da informação. O debate contou com a participação do coordenador do Centro Universitário de Votuporanga e empresário da RS Sistemas, professor Raynner Toschi Silva; do professor responsável pela Empresa Júnior UNIP – campus São José Rio Preto, Mário Henrique de Souza Pardo; do professor da UNIP, doutor em Engenharia Elétrica, Geraldo Donega Zafalon; e do diretor presidente da Associação dos Profissionais e Empresas de Tecnologia da Informação – APETI, Jean Carlos Daher.

Foram realizados ainda sorteios de brindes e coffee break, além da entrega dos certificados para os participantes.

 

]]>
DATA06/11/2017
<![CDATA[06/11/2017 - Semana Acadêmica da Engenharia Civil no campus São José do Rio Preto ]]> Por Débora Barbosa

O campus São José do Rio Preto promoveu, nos dias 23 e 24 de outubro, a Semana Acadêmica da Engenharia Civil, organizada pelos acadêmicos do quinto ano. O evento ocorreu no auditório da unidade e contou com a presença de renomados profissionais da área.

A diretora do campus, Simone Buchala, realizou a abertura e agradeceu à comissão organizadora, ao coordenador auxiliar do curso de Engenharia Civil, José Antônio Armani Pascoal, e à coordenadora auxiliar da Engenharia do Ciclo Básico, Denise Marin, pela organização das atividades.

Foram dois dias com palestras que abordaram os seguintes temas:

- Gerenciamento de projetos na construção civil: conceitos do OM-BOK aplicados na construção e sua interface com o lean construction, com o proprietário da DSJ Construtora, especialista e pesquisador de sistemas construtivos em vários países, Doverci Silva Júnior.

- Gerenciamento de projetos na construção civil, com o engenheiro, especialista em Gestão de Negócios Imobiliários pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), Jocemar Slobodzian.

- Patologia em instalações de água quente e patologia em instalações elétricas, com o engenheiro atuante há 13 anos na área de Engenharia de Aplicação na empresa Tigre, Elton Dino.

- Qualidade do ar, queimadas e impactos ambientais, com o engenheiro sanitarista na Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), especialista em Engenharia em Saúde Pública, José Mário Andrade.

- Experiências e atividades na Emcop, com o presidente da Emcop (Empresa Municipal de Construções Populares), Adão da Costa.

- Estanqueidade à água das edificações: manutenibilidade, gestão da manutenção predial – patologias, com o engenheiro Avilson Ferreira de Almeida.

- Esclarecimentos, dúvidas e principais problemas com documentação e aprovação de projetos na prefeitura, com o engenheiro da Secretaria de Obras e Saneamento Básico de Rio Preto, especialista em Engenharia de Avaliações de Imóveis Urbanos, Luiz Carlos de Queiroz Pereira Calças; com a engenheira civil na Prefeitura de Rio Preto, setor de Aprovação de Projetos, Luciane Simal Alves; e com o engenheiro cartográfico e coordenador de Geoprocessamento da Empro (Empresa Municipal de Processamento de Dados), Carlos Henrique Gomes de Souza.

Os participantes contaram ainda com coffee break, exposição de pontes de macarrão, carrinho elétrico e banners. No encerramento, o anfitrião, professor José Antônio Armani, agradeceu a todos os presentes e àqueles que realizaram o evento com dedicação e comprometimento.

 

]]>
DATA06/11/2017
<![CDATA[06/11/2017 - A Vice-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa comunica as defesas de outubro de 2017 ]]> Por Pós

Data da defesa: 05/10/2017

Autor: Marcelo Bernardino Araújo

Orientador: Prof. Dr. Rodrigo Franco Gonçalves

Programa: Doutorado em Engenharia de Produção

Título: Desenvolvimento de sistema de custos para instituições do ensino público

Resumo: O controle dos gastos é essencial para qualquer entidade, pública ou particular. A técnica de custeio denominada Time-Driven Activity-Based Costing (TDABC) apoia-se na composição do cálculo do custo da ociosidade, e esse método de mensuração é uma preocupação para qualquer tipo de organização. Este estudo auxilia na construção de um sistema de gerenciamento de custos. As Instituições de Ensino Superior (IES) públicas, por não contarem com um sistema de custeio implementado, não têm parâmetros para mensurar se são eficientes ou não no desenvolvimento de suas atividades. Esta tese tem por objetivo estruturar o desenvolvimento e a implantação de um sistema de custeio para IES públicas, com base na Teoria de Gerenciamento de Processos de Negócio (BPM). Para o desenvolvimento da pesquisa, foram utilizadas duas abordagens, uma teórica e uma prática. Na abordagem teórica, adotou-se um processo de revisão da literatura sobre a utilização de métodos e sistemas de custeio, bem como de ferramentas de gerenciamento de custos, nas universidades brasileiras e estrangeiras. Na abordagem prática, foram seguidos os seguintes passos: a escolha de uma técnica de modelagem de processos, com diagramas de Business Process Management Notation (BPMN); identificação dos processos de negócio com Business Process Management (BPM); utilização de técnicas de engenharia de requisitos, especificamente para requisitos funcionais de software para desenvolver um sistema gerencial, e realização de pesquisa-ação para coleta de informações necessárias à tomada de decisão; apresentação e validação dos requisitos do software. Trata-se de uma pesquisa exploratória, que utiliza a estratégia estudo de caso, design science research e pesquisa-ação, pois emprega como métodos de coleta de dados entrevistas em profundidade e observação participante com os atores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo. Espera-se que o software desenvolvido auxilie no processo decisório quanto ao custeio aplicável à otimização de recursos nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

 

 

Data da defesa: 10/10/2017

Autor: Claudio Lira Meirelles

Orientador: Prof. Dr. José Benedito Sacomano

Programa: Doutorado em Engenharia de Produção

Título: O desenvolvimento sustentável nas pequenas e médias empresas brasileiras

Resumo: Como decorrência da crise financeira mundial, das fraudes contábeis e da suspeita de envolvimento de grandes empresas em problemas ambientais e sociais, governos e sociedade estão demandando uma mudança de comportamento empresarial. Este cenário exige a transformação do paradigma de um sistema de gestão tradicional, que visa o retorno financeiro independentemente do esgotamento dos recursos, para uma gestão voltada para o desenvolvimento sustentável, na qual o lucro pode ser uma consequência decorrente do uso racional dos recursos. Por um lado, as grandes empresas, aproveitando suas características, adequaram-se e tiraram proveito financeiro com a adoção de uma estratégia de longo prazo que integra desenvolvimento econômico, social e ambiental. Por outro, as pequenas e médias empresas (PME) têm dificuldades de adequar políticas de sustentabilidade em suas estratégias comerciais. Mesmo tendo relevância na econômica global, são poucos os estudos sobre estratégia de desenvolvimento sustentável direcionados para pequenas e médias empresas, e o formato proposto pela literatura atual não parece adequado para PME localizadas em países em desenvolvimento. Nesse sentido, este trabalho tem como objetivo principal identificar a viabilidade das práticas empresariais sustentáveis nas pequenas e médias empresas brasileiras. A tese está organizada em formato de artigos e, apoiada no objetivo proposto, fez uso de uma metodologia considerada como sendo de pesquisa explicativa. Com base na análise dos dados desta pesquisa, pode-se concluir que, desconsiderando exceções, uma empresa de pequeno porte no Brasil, individualmente, não vai adotar políticas para o desenvolvimento sustentável: além do baixo impacto social e ambiental que a empresa individualmente produz, o custo de mudança é inviável financeiramente; ainda, as empresas não têm apoio e qualificação técnica para inovar, o público consumidor é direcionado para preço e não qualidade e os empresários têm poucas garantias de retorno no curto prazo. As ações para o desenvolvimento sustentável, portanto, têm que se originar de políticas públicas decorrentes de uma visão de benefício da sociedade local como um todo. Uma ação partindo do governo, com benefícios e regras a serem seguidas, tem a capacidade de forçar uma mudança de paradigma e institucionalizar o Desenvolvimento Sustentável nas PME.

 

 

Data da defesa: 25/10/2017

Autor: Anne Carolina Tonon Seneme Casarin    

Orientador: Prof. Dr. Ernesto Michelangelo Giglio

Programa: Mestrado em Administração

Título: As características da governança em redes de políticas públicas: exemplos dos municípios no interior de São Paulo

Resumo: O trabalho analisa as características da governança em distintas redes de políticas públicas. Uma rede é configurada com base em algumas categorias, tais como tipo de problema enfrentado, natureza dos objetivos definidos, estrutura de posições e assimetrias. A governança é um dos elementos constituintes das redes e é definida em duas grandes linhas: (a) como mecanismo de controle; (b) como mecanismo de coesão de grupo. A proposição orientadora é que, para distintas redes, correspondem manifestações diferentes de governança nas suas expressões de controle e coesão. O trabalho justifica-se, já que cada vez mais se aceita que a execução de políticas públicas depende de um arranjo local entre os atores, mesmo existindo uma governança formal preparada e exigida pelo governo central. Como fundamento teórico, utiliza-se as afirmativas da abordagem social de redes, da governança relacional e da policy networks. A revisão bibliográfica mostrou que existe uma diversidade de conceitos relacionados à governança, bem como sobre as características na sua manifestação. A pesquisa é descritiva, explicativa, qualitativa e de casos múltiplos, utilizando dois instrumentos de coleta: o roteiro para entrevista com perguntas abertas e o questionário com afirmativas numa escala de Likert. Como objeto de investigação, analisa-se as redes de políticas públicas dos municípios do interior de São Paulo. A pergunta da pesquisa é: Existem características específicas de governança em distintas redes de políticas públicas? A resposta encontrada é que há sinais de correspondência entre a natureza dos mecanismos de governança e a especificidade das redes, embora em cada rede surjam variações a favor e contra a proposição. Foram quatro comparações entre redes e, em três delas, os sinais foram de sustentação. O limite mais importante do trabalho foi a tendência de os sujeitos serem na sua maioria do governo, o que levanta a sugestão de uma pesquisa com escopo mais amplo. Outra sugestão é a investigação focada na governança relacional, fenômeno mencionado espontaneamente nos discursos dos sujeitos. Nas redes analisadas, surgem com frequência situações que necessitam ajustes, mas que não foram detalhadas nesta pesquisa.

]]>
DATA06/11/2017
<![CDATA[01/11/2017 - Campus São José do Rio Preto promove evento de conscientização contra o câncer de mama ]]> Por Débora Barbosa

No dia 24 de outubro, os alunos dos cursos de Ciências Biológicas, Enfermagem e Nutrição do campus São José do Rio Preto participaram do evento Outubro Rosa, realizado no saguão da Universidade. A ação foi organizada pela Clínica de Enfermagem com a colaboração dos alunos do oitavo semestre e das enfermeiras responsáveis Danyara Assumpção, Isabela Carvalho e Laís Palota.

Foram expostos cartazes educativos, com figuras e relatos sobre o câncer de mama, além de explicações sobre o autoexame, com demonstração em próteses de simulação de mamas com nódulos. A organização distribuiu ainda panfletos educativos e o famoso laço cor-de-rosa, símbolo do movimento Outubro Rosa, como forma de apoiar e reforçar a causa entre alunos, colaboradores, professores e coordenadores.

No período da manhã, houve apresentação do Coral de Idosos da Associação Geronto Geriátrica de São José do Rio Preto (Agerip), regido pela maestrina Cida Abissamra. No período noturno, foi a vez do Grupo Percussivo do Instituto As Valquírias se apresentar, com a presença de sua fundadora, Amanda Oliveira.

O objetivo da ação foi conscientizar toda a comunidade do campus sobre a relevância do autoexame para o diagnóstico precoce do câncer de mama.

 

]]>
DATA01/11/2017
<![CDATA[01/11/2017 - Décima Oitava Semana de Educação Física no campus Cidade Universitária ]]> Por Mauro Batista

Nos dias 23 e 24 de outubro, foi realizada a Décima Oitava Semana de Educação Física no campus Cidade Universitária. O evento foi promovido pelos alunos do sétimo e oitavo semestres e teve como tema O corpo em movimento.

A programação do dia 23 começou às 8h com a execução do Hino Nacional e a abertura oficial do evento. Em seguida, houve uma apresentação de balé com a professora e instrutora Marina Mancini, formada em balé clássico e jazz e graduada em Comunicação das Artes do Corpo.

O evento prosseguiu no dia 24 com a palestra oferecida pela nutricionista Rosana Rosa, que falou sobre O papel da suplementação sobre o emagrecimento e a hipertrofia muscular. Para encerrar o evento, os alunos participaram de uma oficina de dança sertaneja com os instrutores Sandy Carvalho e Ronaldo Rodrigues.

Ainda como parte das atividades, os alunos arrecadaram alimentos não perecíveis, que foram doados à Instituição Abrigo Reviver, que atende cerca de 50 crianças e adolescentes cujos direitos básicos foram violados ou ameaçados.

 

]]>
DATA01/11/2017
<![CDATA[31/10/2017 - Campus Indianópolis promove Um Dia no Campus ]]> Por Campus Indianópolis

campus Indianópolis promoveu, no dia 31 de outubro, o evento Um Dia no Campus. Destinada aos alunos do Ensino Médio e comunidade em geral, a atividade é realizada em todos os campi da UNIP com o intuito de auxiliar o estudante na difícil escolha de sua futura profissão.

 

Visitando os estandes do evento, os estudantes puderam obter informações sobre os cursos oferecidos na unidade, bem como participar de diversas ações programadas, como palestras e visitas aos laboratórios das áreas de Exatas, Humanas e Saúde. Houve ainda exposições de trabalhos, testes de glicemia, medição de pressão arterial, avaliação postural e atividades de recreação, proporcionando aos presentes um contato mais próximo com a vida acadêmica.

 

Os coordenadores, professores, funcionários e alunos dos diversos cursos do campus colaboraram ativamente na organização do evento e nas diversas atividades.

 

]]>
DATA31/10/2017
<![CDATA[31/10/2017 - Coordenadoras do curso de Letras participam de Congresso Internacional em Curitiba ]]> Por Lígia Menna

As coordenadoras do curso de Letras, Lígia Menna, do campus Chácara Santo Antônio, e Ivani Vecina Abib, do campus Sorocaba, participaram do Vigésimo Sexto Congresso Internacional da ABRAPLIP (Associação Brasileira de Professores de Literatura Portuguesa). Com o tema Ensino e pesquisa da Literatura Portuguesa no Brasil e no mundo, o evento foi realizado entre os dias 2 e 6 de outubro, na Universidade Federal do Paraná, em Curitiba.

Na ocasião, Lígia Menna apresentou o trabalho Ensino de Literatura Portuguesa na graduação: experiências na formação de professores por meio das novas tecnologias, realizado em coautoria com a professora Simone de Almeida e Silva. E Do lugar da mulher na poesia portuguesa – um olhar atemporal foi o título da comunicação apresentada por Ivani Vecina.

O evento contou também com a presença de importantes professores da área de Literatura Portuguesa, brasileiros e estrangeiros, como Roberto Vecchi (Universidade de Bolonha), Philippe Simon (Universidade Prais-Sorbonne), José Cândido de Oliveira Martins (Universidade Católica Portuguesa), Maria Lúcia Dal Farra (UFS), Jorge Vicente Valentim (UFSCar), Emerson da Cruz Inácio (USP), Mário César Lugarinho (USP), Zuleide Duarte (UFPB), Luci Ruas (UFRJ), Maria de Fátima Ribeiro (UFBA), entre outros.

]]>
DATA31/10/2017
<![CDATA[28/10/2017 - Cursos de Pedagogia e Nutrição participam de Caravana da Cidadania ]]> Por Danilo Mesquita

Os alunos dos cursos de Pedagogia e Nutrição do campus São José do Rio Preto participaram, no dia 28 de outubro, da Caravana da Cidadania promovida pela Associação Comercial de São José do Rio Preto (ACIRP).

Trata-se de um mutirão solidário em que empresas, secretarias municipais e universidades prestam, durante todo o dia, serviços gratuitos à população carente. Neste ano, o evento foi realizado na Escola Municipal Professora Guiomar Maia, no bairro São Deocleciano, na região leste, uma área populosa da cidade de São José do Rio Preto. O prefeito, Edinho Araújo, e sua esposa, Maria Elza Araújo, estiveram presentes no evento.

Segundo estimativas da ACIRP, cerca de 7 mil pessoas passaram pelo local durante o dia, com acesso gratuito a serviços de cidadania, beleza e saúde. As empresas e instituições participantes levaram suas equipes de prestação de serviços e ofereceram performances sobre educação no trânsito, teste vocacional, distribuição de mudas de espécies nativas, entre outros serviços e atividades.

Os estudantes de Pedagogia, por sua vez, acompanhados pelo técnico responsável Caio Brazolin, propuseram a interação social, com brincadeiras, desenhos e pintura. Já os alunos de Nutrição, supervisionados pelo técnico responsável Lucas Bocchini, realizaram teste de IMC e apresentaram catálogos alimentares, ensinando como se alimentar de forma saudável.

Na ocasião, também foram arrecadados livros que serão destinados a escolas carentes da cidade.

 

]]>
DATA28/10/2017
<![CDATA[28/10/2017 - Curso de Engenharia Civil visita o SAAE de Sorocaba ]]> Por Professor Claudio Scheidt Guimarães

No dia 28 de outubro, os alunos do sétimo e oitavo semestres do curso de Engenharia Civil dos campi Indianópolis, Chácara Santo Antônio e Tatuapé realizaram uma visita técnica ao Sistema Autônomo de Água e Esgoto (SAEE) da cidade de Sorocaba, sob orientação do professor Claudio Scheidt Guimarães.

O novo Centro de Distribuição do SAAE é composto por um reservatório metálico térreo com capacidade para 2 milhões de litros de água, um reservatório elevado para 120 mil litros e um sistema de bombeamento, que representaram um investimento de R$ 2,3 milhões.

O objetivo da visita foi demonstrar aos estudantes a importância do novo sistema biológico, moderno, de alta tecnologia e todo automatizado. Nas Estações de Tratamento de Esgoto de Sorocaba, o processo começa com um pré-tratamento do esgoto por meio de um gradeamento, quando são retirados os sólidos grosseiros. Na sequência, os esgotos são conduzidos aos decantadores primários para a retirada de parte dos sólidos sedimentáveis, que representam cerca de 30% da carga orgânica, e, em seguida, são enviados aos tanques de aeração. A fase líquida retorna ao Rio Sorocaba, enquanto a fase sólida passará pelo processo de tratamento específico para sua disposição final.

Na ocasião, os alunos participaram ainda de uma aula prática de análises, realizadas no laboratório do SAAE com amostras coletadas nas estações de tratamento das dez regiões em que a cidade foi dividida para o desenvolvimento do trabalho. Procedeu-se com análises bacteriológicas, físico-químicas, de concentração de cloro, de pH e de flúor.

A questão da poluição das águas exige estudos contínuos e especializados, além da valorização e reconhecimento dos gestores públicos e particulares ante as atuais demandas mundiais. Nesse sentido, a experiência ampliou a conceituação dos estudos aplicados em aulas práticas como parte dos recursos metodológicos destinados aos estudantes de Engenharia Civil.

 

]]>
DATA28/10/2017
<![CDATA[28/10/2017 - Campus Tatuapé promove Um Dia no Campus ]]> Por Chefia de Campus

No dia 28 de outubro, o campus Tatuapé promoveu o evento Um Dia no Campus, que contou com a presença de aproximadamente 1.800 alunos de escolas de Ensino Médio da região.

 

Os estudantes tiveram acesso a informações sobre os cursos oferecidos na unidade, participaram de palestras e visitas aos laboratórios das áreas de Exatas, Humanas e Saúde, além de terem realizado quase 1.300 inscrições para o vestibular 2018.

 

Durante o evento, houve exposições de trabalhos, testes vocacionais, testes de glicemia, medição de pressão arterial, simulador de voo, simulação de tribunal de júri, concurso da mais bela Deusa Themis, avaliação postural, elaboração de currículo, aula de ginástica, estande com informações sobre o Pravaler, entre outras atividades. Tudo para proporcionar aos presentes um maior conhecimento da vivência acadêmica.

 

Os coordenadores, professores, alunos e funcionários do campus colaboraram ativamente para o sucesso do encontro.

]]>
DATA28/10/2017
<![CDATA[26/10/2017 - Jornada de Psicologia no campus São José do Rio Preto ]]> Por Débora Barbosa

Entre os dias 9 e 11 de outubro, no campus São José do Rio Preto, foi realizada a Jornada de Psicologia sobre o tema Desafios da Psicologia na atualidade: sofrimento psíquico, emergências e relações digitais. A abertura foi realizada pela professora e coordenadora auxiliar do curso de Psicologia, Rosana Garcia, que agradeceu a comissão organizadora pela programação.

Nos três dias de evento, os participantes prestigiaram, nos períodos matutino e noturno, as seguintes palestras:

·       O psicólogo na redução dos riscos e desastres, com o psicólogo e doutor em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública pelo Centro de Estudos Superiores da Polícia Militar de São Paulo, Olavo Sant'Anna Filho.

·       Depressão e suicídio, com o psicólogo, doutor em Psicologia Clínica, Lazslo Antônio Ávila.

·       Depressão e suicídio, com a médica psiquiatra Simone Secco da Rocha.

·       Universos fakes em redes sociais e a falsa felicidade, com a psicóloga, especialista em Psicologia Hospitalar e da Saúde, Araiê Prado Berger de Oliveira.

·       Acompanhamento psicológico da população TT: práticas e desafios na atualidade, com a psicóloga, especialista em Psicologia Clínica, Maria Jaqueline Coelho Pinto.

·       Política de redução de danos: álcool e drogas, com a psicóloga, mestre em Psicologia Clínica, Denise Doneda.

Ao final das palestras, foram sorteados diversos brindes para os estudantes.

 

]]>
DATA26/10/2017
<![CDATA[26/10/2017 - Fórmula UNIP Elétrico marca presença na Fenatran 2017 ]]> Por Fernanda

A equipe Fórmula UNIP Elétrico, formada por alunos dos cursos de Engenharia, com o apoio do curso de Administração, expôs seu carro Fórmula SAE Elétrico na Vigésima Primeira Fenatran – Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Cargas, que ocorreu de 16 a 20 de outubro, no São Paulo Expo.

O protótipo, exposto no estande da empresa Tracer Tag Rastreadores, patrocinadora do projeto, foi idealizado e desenvolvido para concorrer na Fórmula SAE Brasil 2017, competição promovida pela Society of Automotive Engineers (SAE – Sociedade de Engenheiros da Mobilidade). Utilizando formas alternativas, eficientes e viáveis de geração de energia sustentável em conformidade com as regras estabelecidas pela comissão julgadora, a Fórmula UNIP Elétrico ficou, em 2016, entre as finalistas na etapa de Inspeção Técnica, na qual concorreram 10 equipes brasileiras.

Considerando o crescente número de carros no mundo para atender as demandas da sociedade moderna, os veículos elétricos são uma necessidade cada vez mais urgente do ponto de vista ambiental. Denominados Veículos Zero Emissões (VZE), são apontados como grandes aliados nas políticas de adaptação e controle das mudanças climáticas. Uma pesquisa realizada pelo Instituto Saúde e Sustentabilidade mostrou que em São Paulo, por exemplo, a poluição chega a ser 2,5 vezes maior do que o limite estabelecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e no Rio de Janeiro, 75% da poluição está relacionada aos automóveis. Outro dado apontado refere-se ao fato de que, entre 2006 e 2011, quase 100 mil pessoas morreram por doenças ligadas à poluição.

Nesse sentido, a equipe Fórmula UNIP Elétrico destaca que seu projeto “visa uma projeção de melhoria do futuro da sociedade, buscando o desenvolvimento de novos métodos sustentáveis que possam se tornar um mecanismo de impacto ambiental positivo, melhorando, assim, a qualidade de vida da humanidade.”

Segundo o coordenador do curso de Engenharia Mecânica, Alexandre Frugoli, “há centenas de escolas de Engenharia no país e apenas 15 desenvolvem o Projeto Fórmula Elétrico, entre as quais três são privadas e as demais, estaduais ou federais. Portanto, estamos trabalhando entre as melhores escolas de Engenharia do país. As grandes indústrias automotivas acompanham o Fórmula SAE Brasil de perto. No caso do carro elétrico, especificamente, estamos na vanguarda do desenvolvimento dessa tecnologia.”

]]>
DATA26/10/2017
<![CDATA[26/10/2017 - Curso de Pedagogia do campus Alphaville desenvolve importante projeto de extensão ]]> Por Lisienne Silva

Os alunos de Pedagogia do campus Alphaville, sob supervisão da coordenadora do curso, Lisienne Navarro, desenvolvem projeto de extensão durante o ano letivo em parceria com diversas ONG e instituições carentes, colocando na prática a teoria vista em sala de aula. O Projeto Integrado: Oficinas Pedagógicas de Arte e Expressão é realizado na Clínica de Saúde e no laboratório de brinquedos da unidade, e atende a população das cidades de Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Itapevi, Jandira, Osasco e Santana de Parnaíba.

Lisienne Navarro destaca que, segundo pesquisadores e especialistas da área, o trabalho de extensão universitário deve fazer parte da formação acadêmica dos estudantes, pois leva o conhecimento obtido para além das paredes da universidade, possibilitando um aprendizado dinâmico e dialógico entre professor, aluno e comunidade, tornando o currículo mais flexível e dinâmico. Nesse sentido, para a elaboração de um efetivo projeto de extensão, além da associação entre ensino e pesquisa, deve-se considerar sempre a importância da interdisciplinaridade e da interprofissionalidade, do diálogo e da transformação.

O projeto de extensão do curso de Pedagogia segue esses princípios, levando os alunos a aperfeiçoarem olhares críticos sobre temáticas sociais importantes, consolidando, assim, o seu aprendizado. Ao longo da formação dos futuros profissionais da Educação, os trabalhos são desenvolvidos com a comunidade e a Instituição acolhe a população em programas voltados para a inserção social e desenvolvimento da aprendizagem.

 

]]>
DATA26/10/2017
<![CDATA[26/10/2017 - Coordenadora do curso de Letras lança livro na Casa das Rosas ]]> Por Ligia Menna

No dia 10 de outubro, na Casa das Rosas em São Paulo, ocorreu o lançamento do livro A carnavalização na literatura infantil: denúncia da exploração humana (Giostri Editora), da coordenadora do curso de Letras do campus Chácara Santo Antônio e docente de Literatura, Lígia Menna.

O livro consiste em um estudo comparado entre as obras O reizinho mandão, da brasileira Ruth Rocha, Aventuras maravilhosas de João Sem Medo, do português José Gomes Ferreira e A montanha da água lilás: fábula para todas as idades, do escritor angolano Pepetela, com base nos princípios que norteiam a literatura carnavalizada, conceituada por Mikhail Bakhtin. Esses autores, em seus diferentes contextos e países, por meio da paródia e da recriação de gêneros típicos da tradição oral, como o conto popular, o conto maravilhoso e a fábula, gêneros apropriados tanto para o público adulto quanto para o infantil, denunciam a censura, a repressão e a exploração do ser humano, vislumbrando na literatura, a arte da palavra, um elemento transformador.

A obra foi prefaciada pelo também docente do curso de Letras, campus Chácara Santo Antônio, Adilson Silva Oliveira, membro da Comissão de Qualificação (CQA) e autor de vários livros, entre eles, Metáforas em campo: o futebol brasileiro e suas representações no jornalismo popular (Giostri Editora).

Além dos familiares, estiveram presentes no evento as coordenadoras do curso de Letras, Roseli Gimenes (geral), Cielo Festino (UNIP Interativa), Joana Ormundo (campus Vergueiro), Simone Gonzalez (campus Marquês), Solange Gervai (campus Alphaville); as professoras da UNIP Simone de Almeida e Silva, Ana Lúcia Diana, Deborah Gomes de Paula e Cássia Catanzariti; e os docentes Maria Zilda Cunha (USP), Maria Auxiliadora Fontana Baseio (UNISA), Ricardo Iannace (Fatec/USP), Sandra Trabucco Valenzuela (Anhembi Morumbi), entre outros.

Também prestigiaram o lançamento alunos e ex-alunos do curso de Letras dos campi Chácara Santo Antônio e Vergueiro; alunos do curso de Pedagogia dos campi Alphaville e Paraíso; e alunos de Direito do campus Chácara Santo Antônio.

 

]]>
DATA26/10/2017
<![CDATA[26/10/2017 - Encontro Acadêmico do curso de Biomedicina de Rio Preto ]]> Por Débora Barbosa

Nos dias 17 e 18 de outubro, nos períodos matutino e noturno, os alunos do quarto ano do curso de Biomedicina do campus de São José do Rio Preto realizaram o Encontro Acadêmico, que contou com a participação da coordenação do curso, alunos, professores e palestrantes renomados no mercado de trabalho.

A abertura do evento foi realizada pela diretora do campus, Simone Buchala, juntamente com a coordenadora auxiliar do curso, Marta Ester Maffei Moreira. Ainda como parte da abertura, nos dois períodos, houve apresentação artística do grupo Alma Árabe, da escola Gabinete da Dança, tendo como coreógrafa Carol Jianjulio, que utiliza a dança como meio de reabilitação de pacientes acometidas por linfoma e câncer de mama, proporcionando reintegração social e de vida em um trabalho social e elogiável.

Durante os dois dias de palestras, foram abordados os seguintes temas:

·         Como se tornar um pesquisador: vivência no mundo da pesquisa científica, com a biomédica, especialista em diagnóstico por imagem, Bruna de Faria Dutra Andrade.

·         Depressão: conhecer para prevenir, com a coordenadora do curso de Psicologia e responsável técnica do Centro de Psicologia Aplicada da UNIP em São José do Rio Preto, Rosana Garcia.

·         A atuação do biomédico na acupuntura, com o acupunturista, especialista em acupuntura sistêmica, Henrique Passarelli Camilo.

·         Atuação do biomédico na perícia criminal, com a biomédica e ex-aluna da UNIP Maria Eduarda Lopes Baitello.

·         Biomédico: um profissional de futuro. Será?, com a biomédica, especialista em biologia molecular, genética médica e hematologia laboratorial, Valquíria Pardo.

Houve ainda apresentações dos TCC Eficácia do uso do álcool 70% na antissepsia da pele antes da coleta de sangue, desenvolvido pela aluna Natália Bueno Mistrão, sob orientação da professora Tatiane Colombo; e Avaliação da sensibilidade à feniltiocarbamida (PTC) em tabagistas e elitistas, do aluno Leonardo Cecílio da Rocha, orientado pela professora Sandra Marchesin.

Ao final do evento, foi realizada uma confraternização entre os acadêmicos e docentes, na qual foram sorteados diversos brindes e entregues os certificados aos participantes.

 

]]>
DATA26/10/2017
<![CDATA[26/10/2017 - Jornada de Letras 2017 do campus Chácara Santo Antônio ]]> Por Ligia Menna

Entre os dias 9 e 11 de outubro, foi realizada a Jornada de Letras 2017 do campus Chácara Santo Antônio, sob coordenação da professora Lígia Menna. Nesta edição, o evento teve como tema principal A educação e a arte e suas constantes mudanças: entraves e perspectivas futuras.

No dia 9, os convidados assistiram à mesa-redonda Discutindo a Base Nacional Curricular Comum, composta pelos professores Maria Helena Costa Braga (IQE), Martha Scarpato (UNIP) e Bruno César dos Santos (UNIP Interativa/FAPCOM), com mediação da professora Ana Lúcia Machado da Silva. Em seguida, ocorreu a palestra A perspectiva crítica na formação de professores de línguas: letramento visual e deslocamentos conceituais, com a professora da Unifesp Suzanna Mizan.

Ainda como parte do evento, no dia 10, houve o lançamento do livro A carnavalização na literatura infantil: denúncia da exploração humana (Giostri Editora), de autoria da professora Lígia Menna com prefácio do professor Adilson Silva Oliveira.

Finalizando as atividades, no dia 11, ocorreram as palestras: A literatura brasileira como invenção interativa: do impresso ao digital, com a coordenadora geral do curso de Letras, Roseli Gimenes; e Desconstruindo os paradigmas da representação de grupos étnico-raciais no cinema, com a professora Andréa Cotrim.

Além dos alunos de Letras e de Educação Física, estiveram presentes no evento as professoras Ana Lúcia Diana, Simone de Almeida e Silva e Solange Gervai.

 

]]>
DATA26/10/2017
<![CDATA[26/10/2017 - Curso de Enfermagem participa da SIPAT do Clube Círculo Militar ]]> Por Thais Lorenzetti

Nos dias 13 e 14 de setembro, os alunos do curso de Enfermagem do campus Chácara Santo Antônio, acompanhados da enfermeira Thalita Serrano e sob a supervisão da professora Tais Fortes, participaram da Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (SIPAT) do Clube Círculo Militar, na zona sul de São Paulo.

Durante os dois dias, 32 alunos atenderam mais de 200 participantes. As atividades foram desenvolvidas em torno da prevenção e detecção precoce de diabetes e hipertensão. Para tanto, os estudantes circularam pelo clube oferecendo orientações e tirando dúvidas de associados, funcionários e visitantes, bem como verificaram pressão arterial e glicemia capilar. Com o objetivo de reforçar e chamar a atenção para essas duas doenças de início silencioso, apresentaram ainda uma palestra sobre o tema.

 

]]>
DATA26/10/2017
<![CDATA[26/10/2017 - Alunos do curso de Enfermagem realizam diagnósticos de diabetes ]]> Por Thais Lorenzetti

De 20 a 27 de setembro, os alunos do curso de Enfermagem do campus Chácara Santo Antônio, sob supervisão da enfermeira Thalita Serrano e da professora Fabiane Marui, promoveram ações educativas sobre diabetes com a população do entorno do campus.

Além de palestras elucidativas, foram realizados testes de sensibilidade plantar nos participantes. O teste deve ser feito sem que a pessoa tenha contato visual com as extremidades inferiores; vendada, ela relata a sensação ou não de estímulos táteis e dolorosos em regiões específicas dos pés.

Para a realização das atividades e atendimentos, cerca de 15 alunos se revezaram em dias e horários diferentes.

 

]]>
DATA26/10/2017
<![CDATA[25/10/2017 - Campus Cidade Universitária promove Um Dia no Campus ]]> Por Ester Camastra Latorre

O campus Cidade Universitária realizou, no dia 18 de setembro, mais uma edição do evento Um Dia no Campus. Com participação intensa dos convidados nos estandes, houve degustação, palestras nos Laboratórios de Gastronomia e Turismo e atividades nas quadras, salas de ginástica e academia.

Para movimentar e envolver ainda mais a todos, teve ainda apresentação de dança com alunas do curso de Educação Física e exercícios de Zumba com convidados do curso de Administração.

A dedicação de nossos coordenadores, professores, alunos e funcionários fez do evento, mais uma vez, um grande sucesso.

 

]]>
DATA25/10/2017
<![CDATA[25/10/2017 - Coordenadora de Ciências Biológicas ministra palestra em escola estadual ]]> Por Cristiane Fedrigo

No dia 6 de outubro, a coordenadora do curso de Ciências Biológicas do campus São José do Rio Preto, Sandra Marchesin, ministrou a palestra A atuação do biólogo na atualidade, na Escola Estadual Francisco Purita, em Ipiguá, SP.

 

A palestra foi proferida para os alunos do segundo e terceiro anos do Ensino Médio, com o intuito de esclarecer e informar sobre o que é um biólogo e a sua atuação profissional. Os alunos foram convidados ainda para visitar o campus e conhecer o curso e a estrutura oferecida pela Universidade.

 

]]>
DATA25/10/2017
<![CDATA[24/10/2017 - Décimo Sétimo Encontro Científico nos campi da UNIP ]]> Por Pós

No dia 12 de setembro, nos campi Indianópolis, Cidade Universitária, Tatuapé, Santos, Brasília, Goiânia e Manaus, ocorreu a abertura do Décimo Sétimo Encontro Científico, promovido pela Vice-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa da UNIP.

O Encontro Científico tem como objetivo estimular a participação da comunidade acadêmica, divulgar a produção científica da Universidade e promover o aperfeiçoamento profissional. Além disso, incentiva o desenvolvimento teórico, cultural, científico e tecnológico dos professores e possibilita aos discentes a compreensão da amplitude e relevância da pesquisa para o desenvolvimento da sociedade.

A conferência de abertura, A Odontologia brasileira: destaque no cenário mundial da pesquisa e da pós-graduação, foi proferida no campus Indianópolis pelo coordenador adjunto da área de Odontologia da Capes, professor Marcelo José Strazzeri Bönecker. 

No campus Cidade Universitária, o professor Flávio Romero Macau, por sua vez, discursou sobre o tema Professor, além de dar aula, o senhor trabalha? Um relato da vida acadêmica. Já no campus Tatuapé, o professor Jorge Miklos apresentou a palestra Ecologia da comunicação: modos alternativos de pensar/agir no processo comunicacional. E no campus Santos/Rangel, os professores Roberto Bazanini e Angélica Lúcia Carlini discorreram sobre A carreira do professor-pesquisador no século XXI: tendências e perspectivas.

O professor Jair Minoro Abe abordou o tema Paraconsistência em informática e inteligência artificial, no campus Brasília. E O ensino e as profissões: novos desafios na organização do trabalho na era digital foi o mote da explanação feita no campus Goiânia pelo docente José Benedito Sacomano. Por fim, no campus Manaus, o professor Biagio Fernando Giannetti palestrou sobre Ideias de como as cidades brasileiras funcionam: visão macroscópica.

O Congresso foi composto por conferências, palestras, mesas-redondas, minicursos, workshops, comunicações coordenadas e exposição de banners dos Grupos de Pesquisa, atividades que atestam o sucesso dos Programas de Mestrado e Doutorado e dos Programas de Apoio à Pesquisa da UNIP.

]]>
DATA24/10/2017
<![CDATA[24/10/2017 - Oitavo Colóquio de Redes, Estratégia e Inovação ]]> Por Pós

O Programa de Mestrado em Administração da UNIP, em parceria com o Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal de Lavras (UFLA), realizou o Oitavo Colóquio de Redes, Estratégia e Inovação (REI), nos dias 17 e 18 de outubro, no campus Indianópolis, com base no tema Gestão do conhecimento e inovação.

O evento foi conduzido pelos professores Roberto Bazanini (UNIP) e André Luiz Zambalde (UFLA) e repetiu o sucesso das edições anteriores, contando com a presença de professores e alunos de programas de mestrado e doutorado de diversas regiões do país, bem como palestrantes de renome do Brasil e do exterior.

A temática, apresentada em palestras, videoconferências, painéis e mesas-redondas, trouxe interatividade entre apresentadores e participantes ao suscitar reflexões, atualizações e propostas de novas pesquisas, culminando com a premiação, entre os mais de 30 trabalhos inscritos, dos melhores artigos sobre redes, estratégia e inovação.

 

 

]]>
DATA24/10/2017
<![CDATA[24/10/2017 - Jornada de Psicologia no campus Araraquara ]]> Por Prof. Oliver Zancul Prado

A Jornada de Psicologia de 2017 do campus Araraquara ocorreu entre 28 e 30 de agosto e teve como tema central A mulher: realidades e diversidades, com o objetivo de abordar discussões importantes sobre planos, diferenças, conquistas e lutas das mulheres, tais como transexualidade, aborto, sistema prisional feminino, mídias, redes sociais e suicídio.

Foram apresentadas palestras e mesas-redondas com profissionais, pesquisadores e gestores públicos das áreas de Psicologia, Direito, Ciências Sociais e Comunicação Social. Participaram do evento os alunos dos cursos de Psicologia, Pedagogia e Direito, bem como membros da comunidade externa e egressos do curso de Psicologia.

A Jornada de Psicologia é um evento anual organizado pelos alunos do segundo e terceiro semestres do curso.

 

 

 

]]>
DATA24/10/2017
<![CDATA[24/10/2017 - Campus São José do Rio Preto promove Um Dia no Campus ]]> Por Débora Barbosa

No dia 19 de outubro, o campus São José do Rio Preto promoveu o evento anual Um Dia no Campus, ação em parceria com as escolas públicas da cidade e região. Alunos do Ensino Médio e visitantes puderam conhecer a infraestrutura e os cursos oferecidos pelo campus, bem como realizar teste vocacional e visitar os laboratórios das áreas de Exatas, Humanas e Saúde.

No saguão da unidade, os participantes contaram com uma programação cultural diversificada, com DJ, danças, show de mágica, shows musicais com as meninas do Instituto As Valquírias e apresentação do grupo de Dança Up Down. Teve também um espaço lounge, no qual foi oferecido um coffee break para os professores e coordenadores das escolas.

Houve sorteio de diversos brindes, entre eles, um tablet, e os visitantes tiveram oportunidade ainda de realizar inscrição gratuita para o vestibular. Com um clima festivo, a ação cumpriu seu objetivo de esclarecer dúvidas, orientar os alunos na escolha de seu curso e estimular os jovens a continuarem seus estudos, buscando o conhecimento sempre.

Com a colaboração e dedicação de todos, o campus recebeu mais de 2 mil estudantes, fazendo do evento um sucesso.

 

]]>
DATA24/10/2017
<![CDATA[24/10/2017 - Professora do curso de Farmácia concede entrevista à EPTV ]]> Por Pós

A professora do curso de Farmácia Nilsa Sumie Yamashita Wadt, do campus Jundiaí, concedeu entrevista à EPTV (regional da Rede Globo em Valinhos), exibida também no telejornal Bom Dia Brasil, sobre pesquisa desenvolvida pela aluna de Iniciação Científica Bianca Cristina de Melo Junqueira, sob sua orientação.

 

O objetivo do projeto foi utilizar chá de plantas (goiaba, pitanga, barbatimão, hamamélis e calêndula) na lavagem das feridas e como gel nos curativos dos pacientes do Serviço Especializado em Lesões Vasculares e Neuropáticas (SELVEN) do município de Valinhos.

 

A aluna ficou em quarto lugar no Décimo Nono Encontro de Iniciação Científica da UNIP e recebeu uma placa de menção honrosa pela apresentação do trabalho, intitulado Avaliação de fitoterápicos na forma de chá e gel para o controle de lesões vasculares e neuropáticas em pacientes do SELVEN do município de Valinhos.

]]>
DATA24/10/2017
<![CDATA[24/10/2017 - Jornada de Arquitetura e Urbanismo no campus Araraquara ]]> Por Profª Cristiane Kröhling

Com o tema Arquitetura em seus limites, a Quinta Jornada de Arquitetura e Urbanismo do campus Araraquara, realizada entre os dias 9 e 15 de setembro, colocou em discussão as relações entre Arquitetura, Arte e Design, da escala do objeto à escala da cidade, possibilitando, assim, a compreensão de uma dimensão ampliada do pensar e fazer arquitetura.

Abrindo a semana, o professor do Instituto de Arquitetura e Urbanismo da USP e pesquisador do Núcleo de Estudos das Espacialidades Contemporâneas (NEC/USP), David Moreno Sperling, ministrou a palestra Processos urbanos: práticas experimentais de representação, na qual expôs trabalhos produzidos coletivamente pelo NEC/USP e exibidos em exposições como Zonas Liminares (Sesc), Décima Bienal de Arquitetura de São Paulo e Diagrama Contracondutas.

Na sequência, uma mesa-redonda composta pelos arquitetos e pesquisadores Andrei Barbosa e Verônica Donoso, com mediação da professora Camila Moreno, debateu sobre a produção da arquitetura e sua dimensão urbana no contexto latino-americano, com ênfase nas experiências chilena, colombiana e brasileira.

O evento contou ainda com duas oficinas: Oficina de construção, ministrada pelo arquiteto Everton Gavino, na qual os alunos tiveram contato com o trabalho no canteiro de obras, revisitando tópicos estudados em disciplinas como Tecnologia da Construção, Sistemas Construtivos e Materiais Naturais e Artificiais; a segunda oficina, intitulada Liberdades criativas e ministrada pela professora Sheila Rocha, buscou inspiração na obra do artista uruguaio Joaquín Torres-García. Os brinquedos desenvolvidos pelos alunos nesta última oficina foram doados às crianças do Grupo Assistencial Espírita Jerônimo Mendonça, de Araraquara, como parte da Jornada Solidária.

Fechando as atividades da semana, o arquiteto Angelo Bucci ministrou uma aula magna. Bucci, arquiteto de renome nacional e internacional, soma diversos prêmios importantes e tem sido considerado um dos maiores nomes da arquitetura brasileira de sua geração.

Ainda durante a Jornada, diversos trabalhos de alunos, realizados nas disciplinas de Projeto Arquitetônico, Teoria e História da Arquitetura e do Urbanismo e Projeto do Objeto, foram expostos no pátio central do campus.

 

]]>
DATA24/10/2017
<![CDATA[24/10/2017 - Aluno de Ciência da Computação tem projeto selecionado em Simpósio Internacional ]]> Por Pos

O aluno do curso de Ciência da Computação do campus Marquês, Bruno Eduardo Xavier, orientado pelo professor Alan Rodrigo Navia, teve seu trabalho de Iniciação Científica selecionado em primeiro lugar para a segunda fase do Vigésimo Quinto Simpósio Internacional de Iniciação Científica e Tecnológica da USP, realizada no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação, campus São Carlos.

 

Intitulado Software para controle de glicemia através de bomba de insulina microcontrolada, o objetivo do projeto foi criar um aplicativo e um sistema de injeção que possibilite que o paciente faça o controle indireto da glicemia, sem precisar realizar a contagem de carboidratos e o bolus a cada refeição.

 

Pela pesquisa, o aluno recebeu ainda uma placa de menção honrosa no Décimo Nono Encontro de Iniciação Científica e no Quarto Encontro de Iniciação Tecnológica da UNIP e ficou em segundo lugar pela apresentação do trabalho em forma de pôster.

 

]]>
DATA24/10/2017
<![CDATA[23/10/2017 - Campi Marquês e Tatuapé realizam Simpósio de Comunicação Digital ]]> Por SELMA ROFINO

Nos dias 23, 25 e 27 de outubro, os campi Marquês e Tatuapé realizaram o Simpósio de Comunicação Digital (SIMCOM). O evento teve como finalidade discutir assuntos da área, além de temas relacionados às problemáticas vividas na atualidade.

A abertura ocorreu no campus Marquês com palestras e workshops ministrados por profissionais de diversos ramos e atuantes no mercado de trabalho. Os alunos organizaram exposições de trabalhos produzidos ao longo do curso e atuaram de modo significativo na promoção do evento.

O Simpósio contou com a participação dos alunos dos cursos de Design Gráfico, Fotografia e Produção Audiovisual, sob a coordenação das professoras Selma dos Santos Rofino e Eliana Aparecida Alves. “A realização desse evento possibilita um crescimento intelectual, além do contato com profissionais qualificados que trazem as inovações presentes no universo profissional no qual o aluno pretende atuar”, salientou a professora Selma Rofino.

 

]]>
DATA23/10/2017
<![CDATA[23/10/2017 - Alunos de Administração fazem visita técnica ao Porto de Santos ]]> Por Prof. Tiago Ramos

No dia 20 de outubro, os alunos do curso de Administração do campus Cidade Universitária, acompanhados do professor Tiago Ramos, realizaram uma visita técnica ao porto da cidade de Santos, SP.

A atividade teve o intuito de mostrar na prática um pouco da teoria estudada em sala de aula, oferecendo aos alunos uma apresentação mercadológica do maior porto da América Latina e de como ele se comporta com o mundo em relação aos negócios internacionais.

Para o professor Tiago Ramos, “A imagem do Brasil vem crescendo e a credibilidade retomando o lugar de um país com boas práticas comerciais, mesmo com o caos político e econômico que estamos passando. Isso mostra que o fato de manter uma boa imagem não está relacionado com o que fazemos e, sim, como fazemos.”

 

]]>
DATA23/10/2017
<![CDATA[20/10/2017 - Segundo CIPATEC no campus Tatuapé ]]> Por Coordenação de Engenharia Civil

Cerca de 350 alunos do curso de Engenharia Civil do campus Tatuapé prestigiaram, nos dias 20 e 21 de outubro, o Segundo Ciclo de Palestras Técnicas da Engenharia Civil (CIPATEC 2017). Com temas atuais, motivacionais e relevantes para a área, que também engloba o âmbito das Avaliações e Perícias, o evento foi organizado pelo diretor do campusMarcelo Brihy, pelo coordenador do curso de Engenharia Civil, Marcio Nascimento, e pela professora Erika Pastori, contando desta vez com o apoio do Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia de São Paulo (IBAPE/SP).

Nesta segunda edição, o Ciclo contou com a presença dos palestrantes Paulo Grandisk, engenheiro civil e professor, com mais de 30 anos de experiência na especialidade de Perícias Construtivas, membro ativo da ABNT, para elaboração e revisão de diversas normas técnicas, e do IBAPE/SP, além de escritor de livros técnicos e blogueiro do site da Editora PINI; e Marcos Mansour Chebib Awad, engenheiro civil e professor, especialista em Economia Aplicada à Gestão e coordenador da Câmara Técnica de Avaliações do IBAPE/SP.

 

Paulo Grandisk iniciou sua palestra com uma visão geral sobre as atividades relacionadas à Engenharia Civil, como a Perícia Construtiva, mostrando o seu vasto e interessante campo de atuação, bem como as possibilidades para os recém-formados dentro do âmbito judicial e administrativo. Em seguida, comentou e esclareceu aos alunos sobre a importância e aplicação das Normas Técnicas pertinentes na formação e atuação do engenheiro civil. Por fim, expôs vários casos práticos periciais que vivenciou como profissional, apresentados sobre a óptica da engenharia diagnóstica, por meio de fotos, para indicação de sintomas patológicos, “nexo causal” e fundamentação diante das normas usuais.

Já o professor Marcos Mansour englobou aspectos relacionados à “valoração” patrimonial dentro da ciência da Engenharia de Avaliações, abordando o promissor e amplo mercado de trabalho que se estabelece não só no âmbito Judicial, por meio das ações cíveis (revisional e reivindicatórias de locações, dissoluções de sociedade, penhora, entre outros), como também na entressafra administrativa, fornecendo laudo técnico para advogados, bancos e seguradoras. O palestrante definiu ainda os principais e diferentes conceitos de valores dentro da matéria abordada, tais como valores de custo, patrimonial, de mercado, de liquidação forçada, entre outros; e apresentou as principais Normas Técnicas pertinentes, as ferramentas avaliatórias, com destaque para o uso de inferências estatísticas. Fechando a palestra, Marcos Mansour destacou a importância das especializações e pós-graduações, convidando  todos os presentes para participarem do Instituto IBAPE/SP, seja das suas reuniões técnicas das câmaras de especialidades e/ou assembleias mensais, seja acessando o site da entidade como importante fonte de pesquisas gratuitas do setor.

Ao final das palestras, foram sorteados kits de livros técnicos publicados pelo IBAPE/SP.

]]>
DATA20/10/2017
<![CDATA[20/10/2017 - Coordenadora do curso de Letras Interativa participa de Congresso do LIA e de Jornada da BrIndARC ]]> Por Roseli Gimenes

Entre os dias 18 e 20 de outubro, a coordenadora do curso de Letras da UNIP Interativa, Cielo Festino, participou do Terceiro Congresso Internacional do Laboratório de Interlocuções com a Ásia (LIA, FFLCH/USP), realizado na Casa de Portugal, em São Paulo. Na ocasião, a professora apresentou o artigo Monção de Vimala Devi: escrevendo entre culturas.

 

Já no dia 23 de outubro, Festino participou da Terceira Jornada de Estudos da BrIndARC – Civilização e Estado-Nação: um diálogo entre as índias, realizada no Instituto de Ciências Biomédicas da USP, na qual apresentou o trabalho Sharing Lives in Maria Elsa da Rocha´s: Vivências Partilhadas.

 

A BrIndARC (Brasil-Índia Associação de Redes de Conhecimento) é uma associação sem fins lucrativos que visa estimular o conhecimento da Índia no Brasil e reforçar os laços culturais e científicos entre os dois países.

]]>
DATA20/10/2017